História

A Reditus foi criada em 1966 como Prestador de Serviços, desenvolvendo actividades no sector das tecnologias. Actualmente, posiciona-se como uma Empresa moderna nas Áreas de Consultoria, Tecnologias de Informação e Serviços, sendo um dos três maiores grupos portugueses na área das Tecnologias de Informação.

Destacam-se os seguintes marcos na sua história:

2013

  • A Reditus estende a certificação da Reditus Consulting pela APCER segundo a norma NP EN ISO 9001, a todas as áreas operacionais e comerciais.

2012

  • É definido um novo modelo organizacional suportado por uma estratégia de Go to Market, tendo por base uma abordagem especializada em sectores de negócio, entrada em novos mercados geográficos, e redefinição das várias marcas do Grupo.

2011

  • Aumento do capital social para 73,2 milhões de euros.
  • Abertura dos Centros de Serviço de Seia e Évora.
  • A Reditus Consulting obtém a certificação de Qualidade pela APCER segundo a norma NP EN ISSO 9001.
  • A Tecnidata é reconhecida como HP Gold Specialist para o ano 2012, como "Best HP Certified Partner" e "Best HP PRI Country Overall, em Portugal.
  • A ROFF recebe a certificação internacional da SAP "Partner Centre of Expertise- único parceiro na Ibéria a fornecer suporte de 1º e 2º níveis para PME.
  • A ROFF é galardoada com o Ruban d'Honneur pelo European Business Awards.
  • A Solutions Factory é reconhecida pela QlikTech como Rookie of the year para a Ibéria.

2010

  • A Reditus amplia a sua oferta com a aquisição de novas competências na área de Business Consulting.
  • Aumento do capital social para  51,5 milhões de euros.
  • A ROFF obtém o título de maior VAR SAP, (consecutivamente desde 2004).
  • A Tecnidata é reconhecida pela Microsoft como Country Partner of the Year e obtém a certificação HP Gold Partner.
  • A Solutions Factory obtem o “Outsystems Agility Award” para o projecto implementado na Sociedade de Advogados “Rui Pena e Associados”.

2009

  • A ROFF é galardoada com a medalha de bronze para o melhor projecto ibérico de SAP, respeitante ao projecto implementado na RTP.
  • A ROFF é distinguida com a medalha de ouro para o melhor projecto SAP em França respeitante ao projecto UCPA (Union Nationale des Centres Sportifs de Plein Air).
  • A Solutions Factory obtem o “Outsystems Agility Award” pelo projecto desenvolvido na Home Energy, empresa especializada em energias renováveis e eficiência energética.
  • A Computacenter reconhece a Tecnidata como Parceiro do Ano.

2008

  • Aumento do capital social para os 44,6 milhões de euros.
  • Inicio da estratégia de crescimento por aquisição, com a incorporação do Grupo Tecnidata.
  • Certificação de Qualidade da Roff segundo a norma NP EN ISSO 9001.

2007

  • Implementação de um novo modelo de segmentação das atividades do Grupo, agregadas em Outsourcing de Serviços e em Sistemas de Engenharia e Mobilidade.

2005

  • A Reditus passa a integrar o índice PSI-20.
  • É adotado um novo modelo de Corporate Governance do Grupo Reditus com a criação da função de Chief Operating Officer que engloba a coordenação das atividades operacionais do Grupo em Portugal.

2003

  • As Empresas do Grupo Reditus,  Redware e Reditus II, passam a concentrar  as áreas de Business Process Outsourcing e Contact Center, respectivamente. Foi também criada uma nova unidade de IT Consulting para suportar os negócios de Desenvolvimento, Manutenção e Integração de Software e Sistemas de Informação.

2002

  • Aquisição do Centro de Serviços de Lisboa, designado de Pedro Nunes.

2001

  • Aquisição de 55% da empresa francesa Caléo, vocacionada para a área de semicondutores e microelectrónica.

2000

  • Aumento do capital social para seis milhões e meio de contos (32,5 milhões de euros).

1996

  • Criação da InterReditus. A partir de Janeiro de 1997, concentram-se nesta empresa as principais atividades operacionais do Grupo Reditus na área das Tecnologias de Informação.

1990

  • Restruturação do Grupo leva à criação da Reditus SGPS com um milhão de contos de capital social, que é aumentado para  dois milhões de contos, no ano seguinte.

1987

  • Início de uma fase de grande expansão da Reditus, quer através da realização de "start-ups", quer através da aquisição de participações em empresas já existentes, realizando paralelamente diversas operações de aumento de capital.
  • A Reditus passa a ser admitida à cotação na Bolsa de Valores de Lisboa.

1980

  • Integração da Reditus num grupo económico privado. A empresa inicia a sua atividade em novos mercados associados às tecnologias de informação, como a microinformática.

1975

  • O Banco da Agricultura é nacionalizado juntamente com toda a Banca, na sequência do 25 de abril de 1974.

1971

  • A Reditus investe no desenvolvimento de um centro de tratamento de dados, com a instalação de equipamentos informáticos de última geração, o que permite um rápido crescimento da faturação e do número de clientes.

1966

  • É fundada a “Reditus — Estudos de Mercado e Promoção de Vendas, SARL”, posteriormente designada por “Reditus — Processamento Automático de Informação, SARL”, detida pelo Banco da Agricultura e pela Companhia de Seguros “A Pátria” e destinada essencialmente à prestação de serviços, de "Service Bureau", e realização de estudos de mercado.